Início > Nossa Cidade

Nossa Cidade

São Vicente Férrer é um município brasileiro do Estado de Pernambuco, localizado na mesorregião do Agreste Pernambucano do Médio Capibaribe.

O município é formado pelos distritos sede, Siriji e por povoados como a Chã do Esquecido e também alguns sítios/povoados como Mirim, Condado, Mundo Novo, Mata Limpa, Chã de Rosa, Chã do Aleixo, Sipo Branco, Estreito, Oito porcos, dentre outros.

A Terra da Banana, como é conhecida na região, São Vicente Férrer, tem em sua bagagem títulos que faz jus a cidade como o de Capital Estadual da Banana, conferido através de Lei Estadual (ver LEI Nº 14.313, DE 27 DE MAIO DE 2011).

O Município é mundialmente famoso por sua cultura que advém do plantio e cultivo da banana, que por sua vez, tradicionalmente todos os anos é realizada a Festa da Banana.

A Festa da Banana é uma tradição cultural do Município de São Vicente Férrer, além de ser considerada uma das festas mais populares e mais animadas da Região. Além do incentivo aos pequenos produtores, que se faz mediante ao grande número de plantio de bananeiras na região, que reconhecida de forma mundial. O município tem referências em termo de festividades na região da mata norte do Estado.

Durante a festa da Banana a cidade vivencia um momento único, onde envolve a todos na cidade que aprecia do artesanato local através de exposição no “Banana Shopping” e a corrida mais inusitada de todos os tempos, a tradicional corrida de Costas.

 

[divider]

Hisótia

O povoamento da região surgiu a partir da feira livre instalada à sombra de uma frondosa árvore por Jerônimo de Albuquerque Melo, João da Silva Pessoa e José Joaquim do Espírito Santo. Posteriormente foi construída uma capela em homenagem a São Vicente Férrer.

Lei Provincial 527 de 4 de fevereiro de 1862 cria a freguesia de Cruangy na Comarca de Nazaré.
Lei Provincial 581 de 30 de abril de 1854 muda a denominação da freguesia de Cruangy para São Vicente.
Lei Estadual 991 de 1 de julho de 1909 eleva o distrito de São Vicente à categoria de vila.
Lei 1931 de 11 de setembro de 1928 cria o município de São Vicente, constituído pelo distrito de São Vicente, o distrito de Macapá, desmembrado do município de Timbaúba, e parte do distrito de São José do Siriji, desmembrado do município de Bom Jardim.
Decreto Estadual 57 de 21 de abril de 1931 transfere para Macapá a sede e a denominação do município.
Decreto-lei Estadual 235 de 9 de dezembro de 1938 muda a denominação de São Vicente para Manoel Borba.
Decreto-lei Estadual 952 de 31 de dezembro de 1943 muda e dominação do município para Macaparana.
Lei Estadual 1818 de 29 de dezembro de 1953 recria o município, agora com a denominação de São Vicente Férrer, com o território dos distritos de Manoel Borba e Siriji.

 

[divider]

Geografia

Relevo
O município de São Vicente Férrer localiza-se na unidade geoambiental do Planalto da Borborema, formada por maciços e outeiros altos, com altitude entre 650 a 1.000 metros. O relevo é movimentado, com vales profundos e estreitos dissecados.
Os solos variam com a altitude:

•    Superfícies suaves onduladas a onduladas: ocorrem os Planossolos, e profundidade média, fortemente drenados, ácidos a moderadamente ácidos e fertilidade natural média; ocorrem também os solos Podzólicos, profundos, de textura argilosa e fertilidade natural média a alta.
•    Elevações: ocorrem os solos Litólicos, rasos, de textura argilosa e fertilidade natural média.
•    Vales dos rios e riachos: ocorrem os Planossolos, medianamente profundos, imperfeitamente drenados, textura média/argilosa, moderadamente ácidos, fertilidade natural alta e problemas de sais.
Ocorrem ainda afloramentos de rochas.

Vegetação
A vegetação nativa é típica do agreste: Florestas Subcaducifólica e Caducifólica.

Hidrografia
O município de São Vicente Férrer encontra-se inserido nos domínios da Bacia Hidrográfica do Rio Goiana, tendo dois rios importantes, o Rio Siriji como principal cortando uma parte do município e o Rio Capibaribe Mirim.

Clima
Clima tropical, com temperatura média anual em torno dos 24 °C e índice pluviométrico de aproximadamente 1 075 milímetros por ano, concentrados nos meses de inverno.

 

Localização

Mesorregião: Agreste Pernambucano IBGE/2008
Microrregião: Médio Capibaribe IBGE/2008
Municípios limítrofes norte: Macaparana; sul: Machados; leste: Vicência; oeste: Estado da Paraíba e Orobó.
Distância até a capital: 85 km

Características geográficas

Área: 110,489 km²
População: 17 688 hab. estatísticas IBGE/2014
Densidade: 160,09 hab./km²
Altitude: 419 m
Clima: Tropical As’
Fuso horário: UTC−3

Indicadores

IDH-M: 0,549 baixo PNUD/2010
PIB: R$ 117 474 mil IBGE/2012
PIB per capita R$ 6 849 37 IBGE/2012